BBB 2020 | Uma aula de marketing digital

BBB 2020 | Uma aula de marketing digital

Por Eduarda Tavares e Vitor Vaz
Analistas BITES

A 20ª edição do Big Brother Brasil deixará como legado para futuras produções do gênero uma nova modalidade da estratégia de transmídia, quando várias plataformas de comunicação se entrelaçam gerando um tsunami de conteúdo no universo digital com forte impacto no mundo analógico.

Mesmo com a perspectiva de confinamento por até 90 dias, quando será conhecido o vencedor, as personalidades digitais convidadas para disputar o prêmio de R$ 1,5 milhão estão conseguindo manter a influência junto aos seus fãs e a atividade da sua máquina de geração de negócios na Internet.

Esse grupo se preparou para continuar ativo com a ajuda de sua estrutura comercial. Juntos, os influenciadores têm cerca de 53 milhões de seguidores nas redes sociais.

No contexto, duas participantes se destacam. A cantora Manu Gavassi e Bianca Andrade, conhecida como Boca Rosa. Para quem vive imerso no universo das redes sociais, um único dia sem publicações é um dia sem engajamento. A experiência longe os fãs pode gerar prejuízos reputacionais e financeiros.

O resultado já pode ser acompanhado no Google Brasil. Dos atuais 17 participantes, o maior interesse por buscas nos últimos sete dias está concentrado nos influenciadores digitais. É um movimento natural e os integrantes desse grupo sabem como aproveitar a onda como nenhum outro soube desde a 1ª edição do BBB.

Tradicionalmente, o BBB estimula grande produção de conteúdo no Twitter por parte dos internautas. Na edição passada, entre o fim de janeiro e abril, foram 19,4 milhões de posts produzidos para a combinação de palavras-chave BBB, Big Brother e BBB19.

A tendência hoje sob a perspectiva do Sistema Analítico BITES é que esse recorde será quebrado. Apenas nos últimos dez dias, quando o programa estreou, foram produzidos 9,5 milhões de mensagens no Twitter utilizando a mesma combinação de expressões.

Nesse mesmo intervalo, o programa foi citado em 2.967 artigos produzidos por sites da mídia profissional e alternativa. Na edição passada, o BBB19 apareceu em 57.869 artigos.

Outras programas da mesma categoria, como Masterchef e A Fazenda, mesmo diante da grande quantidade de comentários nas redes sociais, não conseguiram encontrar participantes com essa visão estratégica.

Nos últimos 12 meses, por exemplo, o Masterchef foi alvo de 3,7 milhões de tweets. A Fazenda da Tv Record não alcançou 1 milhão de posts no Twitter em 2019.

A cantora Manu Gavassi, por exemplo, tem usado como estratégia o storytelling. Na propagação da narrativa, ela começou a contar sua história logo na entrevista para a participação do BBB, que teve continuação nos vídeos que estão sendo publicados durante sua participação no programa. O objetivo foi relacionar o alcance e visibilidade do Big Brother para as redes sociais da artista.

Redes repercute participação de Manu Gavassi no BBB 2020

O vídeo publicado no primeiro dia de confinamento, por exemplo, somou 3 milhões de visualizações apenas no Instagram, e lançou a hashtag #WhoTheFuckIsManuGavassi, que foi tweetada mais de 18,2 mil vezes.

Manu Gavassi também conseguiu destaque ao se tornar um meme na internet e fãs passaram rapidamente a replicar momentos engraçados envolvendo a cantora. Até o momento, foram mais de 60 mil mensagens sobre ela no Twitter. Sua base de seguidores no
Instagram saiu de 4,4 milhões de seguidores em dezembro passado para mais de 6 milhões em janeiro.

Tão logo foi anunciada como participante, a youtuber Bianca Andrade (também conhecida como Boca Rosa), famosa por seus tutoriais e produtos de maquiagem, tornou-se assunto na rede.

Na primeira festa da casa, uma discussão levou Bianca Andrade às lágrimas e gerou alta repercussão nas redes sociais, com aproximadamente 255 mil tweets. Internautas ficaram
impressionados com sua maquiagem, que mesmo após chorar, continuou intacta.

O resultado: as buscas no Google Brasil pelos produtos usados pela youtuber dispararam no dia seguinte. No Twitter, houve cerca de 11 mil tweets citando a marca de Bianca “Boca Rosa Beauty”.

O perfil do Instagram da blogueira Boca Rosa e o de sua marca continuam postando conteúdos de maquiagem e impulsionando a linha na rede social e sua participação no
programa. Além disso, ela também garante a presença de suas parcerias comerciais – no primeiro “Paredão”, utilizou um look que mais tarde foi divulgado em seu Instagram.

Após uma semana de competição as ações dos participantes continuam sendo publicadas seguindo o cronograma das redes sociais em paralelo com a televisão.